A força das Redes Socias

preços

preços

Mundo virtuaal voltar

A força das Redes Socias

20/10/2014

Você pensa que o Google é o site número 1 em visitas na Internet?

veja os dados a seguir:

 Redes Sociais

O Facebook já passou o Google como site mais visitado na internet, e 10% da população mundial tem uma conta no facebook.

Na verdadeno mundo existem mais usuários do Facebook (800 milhões e aumentando) do que carros (750 milhões).

50% desses usuários utilizam o Facebook diariamente.

Em média cada usuário tem 130 amigos e gastam 700 minutos por mês conectados a rede.

A cada minuto o Facebook registra:

510.000 comentários postados

293.000 atualizações de status

136.000 fotos postadas

30 bilhões de variados conteúdos são compartilhados a cada mês

facebook wall

O Twitter tem 225 milhões de usuários que enviam 150.000.000 de tweets por dia (são 1736 por segundo).

twitter blog

Linkedin tem 135 milhões de usuários, (15 vezes a população de NYC).

A cada 2 segundos usuários se logam ao Linkedin.

Divisão de idades no Linkedin:

de 18 a 24 anos 21%; de 25 a 34 anos 36%; de 35 a 54 anos 36%; acima de 55 anos 7%

 linkedin

Youtbe tem 490 milhoes de visitantes únicos que geram 92 bilhões depage views a cada mês.

No ano passado o Youtube alcançou 700 bilhões de playbacks.

35 horas de video são inseridas por minuto no Youtube. Mais vídeos foram inseridos no Youtube em 60 dias do que as 3 maiores empresas de internet juntas em 60 anos.

 youtube tv

3500 fotos são inseridas a cada segundo no Flickr.

Google+ está crescendo rapidamente e já chegou a 50 milhões de usuários.

Existem 150 milhões de fotos postadas no Instagram.

Foursquareestá fazendo mais de 2 milhões de chek-ins por semana.

Mulheres são mais ativas nas redes sociais do que os homens:

Mulheres 55% x Homens 45%.

> Em uma conclusão breve posso dizer que na atualidade, com a ampliação das redes sociais, os consumidores assumirão cada vez mais um papel de destaque e decisório, na disseminação das informações, na propaganda positiva ou não e no desenvolvimento de novos produtos e serviços.

"Nós não temos escolha sobre o que fazer com as redes sociais. A pergunta é como iremos utilizá-las parao bem".Erik Qualman


Comentários